Amei mais do que pude, eu fiquei cego de paixão…

Meninos, eu vi

Chico Buarque

Um grande amor

Para viver um grande amor

Eu vi o grande amor no claro olhar da minha amada, eu vi
Que todo o grande amor ainda é pouco, ainda é nada, eu vi
Amores que jamais verei
Meninos, eu vivi
Vivendo a poesia de verdade

Também vi a cidade incendiada, eu tive medo
Eu vi a escuridão
Eu vi o que não quis
Amei mais do que pude, eu fiquei cego de paixão
E acho que enfim eu vi um homem ser feliz

Juro que um dia eu vi um homem ser feliz

Eu vi o grande amor escancarado em cada cara, eu vi
O amor evaporando pelos céus da Guanabara
Amores de imortal verão
Meninas, como eu vi
Vivendo poesia de verdade

Eu vi uma cidade enfeitiçada, e tive medo
Eu vi um coração
Molhando o meu país
Amei mais do que pude, eu fiquei cego de paixão
E acho que enfim eu vi o homem ser feliz

Juro que um dia eu vi o homem ser feliz

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Outros poetas

2 Respostas para “Amei mais do que pude, eu fiquei cego de paixão…

  1. Pingback: Tweets that mention Amei mais do que pude, eu fiquei cego de paixão… « Confissões, declarações e crônicas… -- Topsy.com

  2. Senti amores que me perderam de mim…
    Que me levaram ao mais profundo sem-fim.
    Vivi amores que me revelaram desertos imensos,
    Coração intenso em amar,
    Se dar…
    beijosss

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s